Não há dúvida de que somos todos muito sábios

Tema do Festival 2018: "A Felicidade é um direito de nascença"

O ponto base do Festival de Yoga de 2018 assenta numa das mais importantes afirmações proferidas pelo Yogi Bhajan, Meste do Kundalini Yoga e Yoga Tântrico Branco.

"A Felicidade é um direito de nascença", é algo de intrínsico de que ninguém pode ser despojado. No entanto, agimos como se exterior nos fosse e começamos a desejá-la em vez de a reconhecer e exprimir. Com o desejo de felicidade indirectamente desejamos também a tristeza, tal como a noite surge ao fim do dia, uma não existe sem a outra. Quando a desejamos, a cada alegria sucede uma tristeza e vice versa.

A Felicidade não é o resultado de comparações ou competições com o que não podemos controlar. Não temos controle sobre o que é infinito - a vastidão e essência criativa da vida e da consciência. Ousemos fluir com a vida ao invés de controlar o que não pode ser controlado. Lute com a vida e será infeliz, confie e tudo é possível de ser alcançado. Permita-se que a mente dance com o corpo, no palco do universo com a alma a coreografar e entregue-se á mais bela dança, a dança com o universo. Exprima a sua essência e deixe o seu coração guiá-lo. Sem ressentimentos perdoe tudo, e liberte-se de todos os medos e constrangimentos.

 

 

To top